A ORGANIZAÇÃO DA FAMÍLIA CONTEMPORÂNEA É MULTIESPÉCIE

Antes de adotar e levar um Pet para casa é preciso consciência da responsabilidade por uma vida que precisará de segurança, alimentação e saúde.

  1. O tempo médio de vida de um cão ou gato é de 12 anos em média. Esse será o tempo de sua responsabilidade;
  2. O Pet, seja cão ou gato, deve ser mantido dentro de casa, evitando, assim, que sofra acidentes, maus-tratos ou furtos, nas ruas;
  3. Seja com ração ou alimentação natural, forneça refeições apropriadas e balanceadas, e mantenha sempre disponível água limpa e fresca;
  4. A visita ao veterinário deve ser feita regularmente, pelo menos uma vez por ano a título de prevenção e sempre que o Pet tiver com algum problema de saúde, além de aplicação de vacinas, vermifugação e check-up;
  5. Atenção e carinho são essenciais para o novo membro da família;
  6. Identifique o animal com microchip ou placa identificadora. Assim, caso ele se perca, as chances de tê-lo de volta é de quase 100%;
  7. Castre-o logo após a adoção. A castração evita gravidez indesejada, brigas por territórios e doenças, inclusive o câncer. Pesquisas indicam que pets castrados vivem mais;
  8. Não esperar acontecer o pior para tomar ações de proteção;
  9. Um Pet na família é um membro amado e que requer atenção e amor constante;
  10.  Existe meios efetivos e acessíveis, financeiramente, de dar segurança aos Pets;

One Reply to “A ORGANIZAÇÃO DA FAMÍLIA CONTEMPORÂNEA É MULTIESPÉCIE”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *